Inspetor de Fabricação

Alteração temporária no processo de certificação para inspetores de fabricação.

Os interessados em se certificar como inspetores de fabricação não precisam, temporariamente, apresentar comprovante de treinamento. Porém, a partir de agora é exigida experiência de pelo menos 18 meses no segmento de óleo e gás. Também vale relembrar que o processo de migração dos profissionais certificados em Inspeção de Fabricação (IF) pelo Sequi-Petrobras para o Sistema de Certificação Abendi (SNQC) foi prorrogado para até o dia 1º de março de 2016. Após esse período, quem perder o prazo deverá realizar um novo processo de certificação, com provas práticas e teóricas; como estabelece a NA-012 (Norma Abendi que define as regras inerentes à atividade).

De forma geral, o inspetor de fabricação realiza a inspeção de recebimento ou de pré-envio de um produto nas seguintes modalidades: mecânica; eletricidade; tubos flexíveis e umbilicais; caldeiraria e tubulação; acessórios de tubulação; instrumentação e automação; perfuração e produção de petróleo, carga e fundeio marítimo.

Normas – A NA-012 estabelece o processo de certificação de Inspetores de Fabricação, baseado na ABNT NBR 16278/2014. Clique aqui e veja o documento.

Qualificação

 

Renovação

 

Recertificação

 

Sócios Patrocinadores

  •  


  •